Vendas do braço agrícola da Dow Chemical caíram 8,4% no 2º trimestre

A Dow AgroSciences, braço agrícola da multinacional americana Dow Chemical, registrou vendas de US$ 1,75 bilhão no segundo trimestre de 2015 (encerrado em 30 de junho), queda de 8,4% em relação aos US$ 1,91 bilhão do mesmo intervalo do ano passado.

Em comunicado que acompanhou o balanço, divulgado hoje, a companhia informou que houve elevação dos volumes vendidos na Europa, no Oriente Médio, na África, na Índia e no eixo Ásia-Pacífico. O bom desempenho nessas regiões, contudo, não foi suficiente para compensar a queda da demanda nas Américas.

“Os preços mais baixos das commodities, conduzindo um mercado agrícola estável, juntamente com ventos contrários significativos no câmbio, impactaram os resultados”, explicou a Dow. Ainda segundo a empresa, tanto o segmento de defensivos quanto de sementes reportaram diminuição das vendas no período.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) da Dow AgroSciences totalizou US$ 269 milhões, elevação de 8% ante os US$ 249 milhões do mesmo intervalo de 2014.

O lucro líquido da Dow Chemical como um todo somou US$ 1,22 bilhão no trimestre encerrado em 30 de junho, alta de 26,2% em relação ao mesmo período do ano passado. A receita líquida, por sua vez, ficou em US$ 12,91 bilhões, redução de 13,4% na mesma comparação.

Por Mariana Caetano
Fonte : Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *