Vendas de máquinas agrícolas no mercado interno caem 7,3% em junho

Fonte: AGÊNCIA ESTADO E CANAL RURAL

Vice-presidente da Anfavea diz que falta de financiamentos e redução no ritmo do programa Mais Alimentos são responsáveis pela queda

 

As vendas internas de máquinas agrícolas no atacado somaram 5,6 mil unidades em junho, um recuo de 7,3% ante maio e uma queda de 7,1% frente a junho de 2010, segundo dados divulgados nesta quarta, dia 6, pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

A produção de máquinas agrícolas caiu 7,1% em junho, para 6.707 unidades, ante maio deste ano e recuou 12,8% sobre junho de 2010. No primeiro semestre deste ano, foram produzidas 40.653 máquinas agrícolas, número 7,2% menor que o de igual intervalo de 2010.
O vice-presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Mário Fioretti, alega que dois fatores são responsáveis pela queda.
– Um fator foi o período que nós ficamos sem financiamentos, sem crédito. O outro ponto foi dentro do programa social Mais Alimentos, do Ministério do Desenvolvimento Agrário, que neste início de ano teve, digamos assim, uma redução no ritmo – disse Mário Fioretti.
O vice-presidente acredita em recuperação das vendas no mercado interno neste segundo semestre. Para ele, o balanço do ano deve fechar estável em relação a 2010.
– Para o ano, a gente mais ou menos deve ficar por aí, mas a gente está comparando com um ano que foi excepcionalmente bom, que foi o ano de 2010. Foi um ano recorde. Então, se a gente for analisar historicamente, nós estamos ainda em um patamar muito bom – observou Mário Fioretti.
As exportações de máquinas agrícolas, em valores, totalizaram US$ 234,8 milhões em junho, uma queda de 14% frente a maio e um crescimento de 47,5% quando comparadas com junho de 2010. No acumulado deste ano, houve crescimento de 58,1% nas vendas externas de máquinas agrícolas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *