Venda futura chega a 13% no Estado

 Preço da soja estimula mudança de comportamento do produtor gaúcho<br /><b>Crédito: </b>  YASUYOSHI CHIBA / AFP / CP

Preço da soja estimula mudança de comportamento do produtor gaúcho
Crédito: YASUYOSHI CHIBA / AFP / CP

Preços altos e perspectiva de uma safra melhor, de 12 milhões de toneladas no ciclo 2012/2013, estimulam os conservadores produtores gaúchos a antecipar a venda futura da soja. A comercialização, que habitualmente ocorre a partir de agosto, já estaria em 7%, segundo a Safras&Mercado, e em até 13%, pela AgRural.
O analista sênior da Safras&Mercado, Flávio França Júnior, observa que na Bolsa de Chicago os preços para 2013 não estão excepcionais. O valor para maio/2013, de 13,13 dólares por buschel, está 1,30 dólar menor do que o de julho/2012. "Isso demonstra que o mercado futuro está apontando para uma safra cheia nos EUA e também na América do Sul. Mas nada é certo, porque os EUA estão enfrentando um período de escassez de chuvas." França Júnior explica que, nesse caso, a venda se torna atrativa porque o câmbio está forte. O analista da AgRural, Fernando Muraro, avalia que para o padrão gaúcho a venda futura está bastante aquecida e este é o momento de vender parte da safra. Para o diretor da Capital Corretora, Farias Toigo, a venda futura cresce pela expectativa de problemas na safra dos EUA. Com a escassez de chuva pode haver redução de estoques ou perda de qualidade, mas isso ainda é especulação, diz Toigo.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *