Vazio sanitário proíbe cultivo de soja até setembro

13865823

Autor: Agronegócio Gazeta do Povo (AgroGP)

Desde ontem (15) é ilegal manter qualquer planta viva de soja no estado do Paraná. Está em vigor o período do vazio sanitário, que proíbe o cultivo da oleaginosa durante os próximos 90 dias, até 15 de setembro. A medida visa impedir a propagação da ferrugem asiática, doença causada pelo fungo Phakopsora pachyrhizi e que já causou prejuízos superiores a US$ 25 bilhões no Brasil, conforme estimativas do setor.

Durante o período, é necessário erradicar qualquer planta de soja em lavouras, carreadores, às margens de ferrovias e estradas municipais, estaduais ou federais. A fiscalização fica a cargo dos técnicos da Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento (Seab). Produtores que descumprirem a determinação serão autuados, e terão prazo de 15 dias para apresentar defesa e eliminar as plantas. Em caso de punição, a multa pode passar de R$ 10 mil.

A adoção do vazio também ocorre no Paraguai e em outros 11 estados brasileiros (Tocantins, Maranhão, Bahia, Pará, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, São Paulo, Minas Gerais e Santa Catarina). Devido a diferenças climáticas e no calendário de cultivo, a proibição ainda não está valendo em todas as regiões.

Dentro da lei

78 ocorrências de descumprimento ao vazio foram registradas em 2013, ante 130 registros em 2012, conforme levantamento da Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar).

Fonte: Gazeta do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *