Usinas vendem 10% mais etanol em abril

Sinal de aquecimento do mercado de combustíveis do país, as vendas de etanol realizadas pelas usinas do Centro-Sul voltaram a aumentar em abril. Foram, ao todo, 1,81 bilhão de litros no mês passado, 10,65% mais que em abril de 2013. Esse crescimento foi puxado pelas vendas de etanol anidro, que é misturado na gasolina. As vendas de etanol hidratado, que é usado diretamente nos tanques dos veículos, recuaram pela primeira vez no ano, em reação aos preços mais elevados ao consumidor final.

Conforme dados da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), do total de 1,8 bilhão de litros vendidos em abril, 1,64 bilhão ficaram no mercado interno. Desse volume, 662,12 milhões foram de anidro, 19,71% mais que em abril de 2013 – quando o teor do produto adicionado à gasolina era de 20%, e não de 25%.

Já o volume comercializado de hidratado alcançou 979,92 milhões de litros, 3,9% abaixo dos 1,02 bilhão de litros verificados em abril 2013. A queda mensal, a primeira do ano, reflete uma resistência maior do consumidor aos preços mais altos, dizem especialistas.

Nas últimas três semanas, os preços do hidratado caíram com força nas usinas, mas esse repasse ainda não chegou aos postos de combustíveis – pelo menos na mesma proporção. O indicador Cepea/Esalq para o produto acumula queda de 16,4% na usina em São Paulo em três semanas, em função da maior oferta de produto da nova safra e também da disponibilidade das usinas em vender maiores volumes para fazer caixa e pagar dívidas.

Ao consumidor final, no entanto, os preços do hidratado estão mais subindo do que caindo no país. O levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP) mostrou que na última semana os preços médios nos postos subiram em 17 Estados e no Distrito Federal. Mesmo no Estado de São Paulo, onde o preço do etanol recuou ao motorista, a queda foi tímida – de 0,49% na semana e de um percentual semelhante nos últimos 28 dias.

"A expectativa é que a demanda pelo biocombustível aumente nas próximas semanas, quando esta queda no preço do produtor será efetivamente repassada ao consumidor final", afirmou o diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues.

Os dados da Unica mostram também um aumento das exportações de etanol em abril. Foram embarcadas no mês passado 170,28 milhões de litros, mais do que o dobro do volume exportado em igual mês de 2013. "Esse incremento se deve a uma janela de oportunidade de exportação ao mercado americano, cuja remuneração foi cerca de 4% superior àquela proporcionada pela comercialização do etanol anidro no mercado interno. Contudo, trata-se de um movimento pontual, que não compromete a garantia de oferta do produto para o mercado doméstico", explicou Rodrigues.

Em relatório de acompanhamento de safra divulgado ontem, a entidade informou, ainda, que a produção de açúcar no Centro-Sul caiu 36% na segunda quinzena de abril e 13% no acumulado da safra 2014/15 até 1º de maio. Conforme a entidade, além de a safra estar neste início com um perfil mais alcooleiro, contribuiu para a queda da produção da commodity o atraso no início da moagem por algumas usinas. A produção acumulada de etanol, no entanto, cresceu 1%, para 1,64 bilhão de litros desde o início da moagem até o fim de abril. (Colaborou Fabiana Batista)

© 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/agro/3546434/usinas-vendem-10-mais-etanol-em-abril#ixzz31h146Uff

Fonte: Valor | Por Fernanda Pressinott | De São Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *