Trading custou à Copersucar US$ 100 milhões

Anunciada há 15 dias, a compra do controle da trading americana de etanol Eco-Energy pela Copersucar custou US$ 100 milhões à empresa brasileira, segundo apurou o Valor. O montante se refere à aquisição de participação de 80% na companhia americana. Uma cláusula contratual permite ainda à Copersucar – maior comercializadora de etanol e açúcar do país com faturamento projetado de US$ 7,5 bilhões para esta safra 2012/13 – adquirir nos próximos anos a totalidade das ações da trading.

A conclusão da operação deve acontecer até 18 de dezembro. Ontem, o Federal Trade Commission (órgão americano equivalente ao Cade no Brasil) aprovou a aquisição, que deve ter financiamento de um pool de bancos, entre eles o Banco do Brasil, segundo apurou a reportagem. A Eco-Energy é uma das principais tradings americanas do biocombustível, com cerca de 9% do mercado dos Estados Unidos. Juntas, Eco-Energy e Copersucar têm capacidade para movimentar 10 bilhões de litros do biocombustível.

© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/2912924/trading-custou-copersucar-us-100-milhoes#ixzz2CxIjoLIH

Fonte: Valor | Por Fabiana Batista | De São Paulo

Um comentário em “Trading custou à Copersucar US$ 100 milhões

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.