Terra seca

O presidente dos EUA, Barack Obama, vistoria lavoura de milho prejudicada pela seca ontem no Estado de Iowa: por conta da situação cada vez mais preocupante no país, onde a quebra de safra do cereal poderá superar 100 milhões de toneladas, ele anunciou que o Departamento de Agricultura do país (USDA) destinará US$ 170 milhões para apoiar o segmento de carnes. Conforme a agência Dow Jones Newswires, com esses recursos serão realizadas compras por meio dos programas de ajuda alimentar. As medidas incluem a aquisição de US$ 100 milhões em carne suína, de US$ 50 milhões em carne de frango, de US$ 10 milhões em carne de cordeiro e US$ 10 milhões para a compra de peixe. Além das medidas do USDA, Obama pediu ao Departamento de Defesa que incentive seus fornecedores a acelerar as compras de carne bovina, suína e de cordeiro. Os criadores americanos, como os brasileiros, sofrem com a disparada dos preços do milho e da soja, principais insumos da ração animal.

Carolyn Kaster/AP Photo

© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/2787304/terra-seca#ixzz23WdrfkXy

Fonte: Valor |

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *