Tendência de encolhimento da produção agrícola

Antigamente chamada de cinturão verde, a região ao Sul da Capital tem, agora, menos propriedades com áreas menores. Isso porque a delimitação e a proteção da zona rural de Porto Alegre foi extinta por lei em 2000, e só voltou a ser reconhecida em 2015, já em território reduzido, hoje de 4,318 mil hectares. Como a área e o número de agricultores estão em queda, a tendência é a produção rural diminuir.

Mas isso não significa perder sua importância. "Quem tem papel definitivo na manutenção e na preservação da função da zona rural são os cidadãos, que entendam o valor de ter uma paisagem rural, uma biodiversidade conservada, de ter ar puro e água. É uma troca. Se a população quiser que se mantenha, não haverá especulação imobiliária ou gestor que mude isso", afirma Ramos, extensionista da Emater

Fonte: Jornal do Comércio