‘Taxa de juros do Plano Safra deveria cair na mesma proporção da Selic’

Miguel Daoud fala sobre as taxas que devem ser anunciadas pelo governo no próximo dia 15 de junho

03 de junho de 2020 às 20h07

Por Canal Rural

O Canal Rural teve acesso, com exclusividade, a detalhes das taxas de juros que o governo federal planeja apresentar no o anúncio do Plano Safra 2020/2021 que vai acontecer no próximo dia 15 de junho.

Para o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), os juros aplicados seriam de 3% a 4% ao ano, portanto menores do que os da safra atual, de 4,6% ao ano. Para os produtores de porte médio, a taxa será de 5,25%, contra os 6% hoje aplicados. Para os demais produtores, que atualmente pagam juros de 8% ao ano, o Plano Safra traria taxa anual de 6,5%.

Para o comentarista Miguel Daoud, os valores não estão dentro da expectativas e a queda deveria ser proporcional à da Selic. “Essa taxa está bem caracterizada como um embrulho. Essa conversa sobre o spread bancário não cola, porque a selic tava 14% e a taxa de juros do crédito na casa dos 9%, e não tinha spread. A taxa Selic caiu para 3% e vem se falar em spread bancário?”, questionou

Fonte: Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *