Sistema integrado de produção será debatido em feira tecnológica de MS

 

Dinapec será promovida entre os dias 9 e 11 de março, em Campo Grande.
Integração lavoura-pecuária pode ser utilizada para a reforma de pastagens.

Fazenda Laudejá, em Bonito (MS), onde são adotadas uma série de boas práticas para minimizar o consumo de água, com a integração lavoura-pecuária (Foto: Anderson Viegas/Do Agrodebate)

Fazenda Laudejá, em Bonito (MS), onde são adotadas uma série de boas práticas para minimizar o consumo de água, com a integração lavoura-pecuária (Foto: Anderson Viegas/Do Agrodebate)

Durante a feira Dinâmica Agropecuária, a Dinapec, que será realizada em Campo Grande entre os dias 9 e 11 de março, a Fundação MS vai apresentar os primeiros resultados de estudos feitos em parceria com a Embrapa no uso de sistemas integrados de produção, como o lavoura-pecuária (ILP) na reforma de pastagens.

saiba mais

Conforme do diretor-executivo da Fundação MS, Alex Melotto Mato Grosso do Sul possui um grande potencial para a expansão da agropecuária, principalmente por meio dos sistemas integrados.
“Isso possibilita diversificação econômica nas propriedades, aumento da renda e fixação do homem no campo, além da otimização dos recursos como fertilizantes e combustíveis e preservação dos recursos naturais existentes. Essas ferramentas reduzem, ainda, o custo da reforma ou renovação do pasto”, afirma.

Para mostrar com mais profundidade de que forma a agricultura pode se expandir, serão demonstrados trabalhos de correção de calcário e fósforo para conversão de áreas de pastagem, manejo de doenças da soja em áreas de integração Lavoura Pecuária, além de um campo demonstrativo de cultivares de soja para abertura de áreas.

Fonte : Globo

Compartilhe!