Sergipe – Aprendizagem Rural: Jovens participam de curso sobre a cana-de-açúcar

O município de Capela é um dos maiores produtores de cana-de-açúcar do estado de Sergipe. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, a cidade ocupa a quarta posição no ranking. Com objetivo de formar jovens nesta cultura, duas turmas do Programa de Aprendizagem Rural iniciaram as aulas na última quarta-feira, 5, em Capela.

O Programa de Aprendizagem Rural é desenvolvido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Sergipe – Senar/SE para atender uma demanda do Governo Federal da Lei da Aprendizagem. Segundo o coordenador Gladson Silva, o curso atenderá as demandas de quatro usinas da região, além de formar jovens na cultura da cana-de-açúcar. O curso tem duração de onze meses e meio com carga horária de 960 horas

“Nesses primeiros seis esses, os jovens ficarão diretamente com o Senar para passar por esta primeira etapa do curso com 480 horas. Após os módulos teóricos e práticos, esses profissionais vão passar para a prática profissional. O lema do Senar é aprender a fazer fazendo, então a todo momento o conteúdo visto em sala de aula será praticado pelos alunos”, afirma Gladson.

A aluna Bruna Gonzaga Santos conta que a expectativa é passar pelo curso e conquistar uma vaga de emprego. “Eu quis fazer o curso para aprimorar meu aprendizado e conhecer coisas novas. A cana-de-açúcar é o nosso produto econômico e temos muitas usinas na região, então quero aprender para trabalhar futuramente em uma dessas usinas”.

Usinas
O Senar/SE atenderá as usinas Campo Limpo, Taquari, Termo Elétrica Iolando Leite e a usina Junco Novo. Após a primeira fase do curso, os alunos realizarão prática profissional das usinas durante seis meses. O conteúdo visto em sala de aula será utilizado pelos alunos no desempenho das atividades na empresa.

A secretária de Educação de Capela, Joseana Santos da Silva, destaca que o município só tem a ganhar com a realização dessa capacitação para os jovens.
“Ter a educação atrelada à geração de renda no município para mim é uma honra ser intermediária desta parceria entre a Prefeitura de Capela, o Senar e as indústrias que temos aqui no município. A cana-de-açúcar faz parte da nossa economia e precisamos qualificar os jovens para esta atividade”.

O representante da empresa Junco Novo, Valmir Passos da Cruz, lembra da dificuldade em formar a turma e destaca a importância dos alunos se dedicarem ao curso. “Desde o ano passado, estamos lutando para formar esta turma. Graças a Deus, conseguimos formar este ano uma turma bem preparada. Uma oportunidade única para esses jovens. A partir de dezembro aguardamos eles na parte prática”.

A representante da usina Campo Limpo, Adriana Viana, explica que muitos jovens acham que o curso é só a prática profissional na empresa, mas é preciso passar por todas as etapas. “O Jovem Aprendiz associa muito a empresa e não a este curso, mas é preciso passar por esta etapa para adquirir conhecimento e depois aplicar na prática”.

O representante da Usina Taquari, Osiel da Silva, enfatizou a importância da qualificação profissional. “Este curso vai preparar profissionais para o mercado de trabalho e para a sociedade. A empresa precisa ter profissionais qualificados. Preparar os nossos jovens para coisas melhores e a usina está de portas abertas. As empresas estão aí precisando de profissionais e o curso é uma oportunidade”.
O representante da Termo Elétrica Iolando Leite , José Anselmo Santos, pontuou como o curso pode contribuir para formar profissionais qualificados. “No futuro iremos aproveitar esta mão de obra que está sendo qualificada. Vamos ter colaboradores com melhor desempenho e eficiência na empresa. Estamos à disposição”.

Áreas de atuação

Por: Do Senar/SE

Fonte : CNA