SAFRA DE INVERNO | Trigo terá mais crédito e preço mínimo reajustado

Medidas anunciadas ontem pelo ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho, beneficiam os produtores de trigo do Estado. Além da ampliação do crédito, que será 14% maior em relação ao ciclo passado, o preço mínimo do cereal também teve um reajuste.
Congelado há dois anos, o preço mínimo do trigo passou de R$ 477 para R$ 501 a tonelada no Sul do país e de R$ 535 para R$ 552 a tonelada no Centro-Oeste, Sudeste e na Bahia. Os valores vão vigorar entre julho deste ano e julho de 2013.
– Com isto, demonstramos aos produtores que o governo está atento a questões como a de preços e de escoamento do produto – afirmou o ministro, ao apresentar o Plano Safra 2012 para o trigo, em evento em Curitiba.
Dentre as medidas de apoio ao trigo anunciadas está o aporte de R$ 430 milhões para incentivar a venda da safra de 2012, a ampliação de 14% em relação à safra passada dos recursos para o crédito e R$ 60 milhões para o pagamento das subvenções do seguro agrícola, além do reajuste dos preços mínimos de todas as culturas de inverno.
Segundo Mendes Ribeiro, só para o trigo há uma disponibilidade de R$ 3 bilhões, sendo R$ 1,5 bilhão para a comercialização e R$ 1,5 bilhão para custeio e investimento. Para todas as culturas de inverno, o governo oferecer R$ 107 bilhões.

Fonte: Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *