Safra de grãos no Brasil pode crescer 5,2% em 2013/14, diz Conab

SÃO PAULO  -  A produção brasileira de grãos na safra 2013/14 deve totalizar entre 192,4 milhões e 196,6 milhões de toneladas, o que representaria uma avanço de 3% a 5,2% em relação à temporada anterior, previu hoje a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A nova estimativa é superior ao intervalo de 191,9 milhões a 195,5 milhões de toneladas indicado pelo órgão no mês passado.

A área total destinada ao plantio de grãos no país deve ficar entre 54,34 milhões e 55,52 milhões de hectares, uma alta de 2% a 4,2% em relação à safra passada. A previsão também é um pouco superior à do mês passado, quando a Conab apontou um intervalo de 54,17 milhões a 55,18 milhões de hectares.

A primeira safra de milho deve ficar entre 32,3 milhões e 33,66 milhões de toneladas, com recuo de 7,25% a 3,35% ante o ciclo passado. As projeções para a segunda safra do grão (também chamada de “safrinha”) ainda não foram atualizadas pela Conab.

A produção total de milho no Brasil pode alcançar entre 78,48 milhões e 79,84 milhões de toneladas na safra 2013/14, o que representaria uma queda de 3,11% a 1,44% em relação à temporada passada, estimou hoje a Companhia Nacional de Abastecimento. O intervalo ficou praticamente estável em relação ao previsto pelo órgão no mês passado.

Para a soja, a expectativa da Conab é de uma elevação marginal na colheita 2013/14, que está em fase de plantio. De acordo com o órgão, os agricultores brasileiros devem colher entre 87,859 milhões de toneladas e 90,224 milhões de toneladas da oleaginosa.

No relatório anterior, divulgado em outubro, a Conab previa que a produção nacional de soja na temporada 2013/14 ficaria entre 87,602 milhões de toneladas e 89,720 milhões de toneladas. Com as mudanças, a previsão mínima para a colheita de soja foi ampliada em 0,3%, enquanto que o teto da projetação da Conab foi elevado em 0,5%.

Com as novas projeções, a Conab agora prevê que a produção de soja na safra 2013/14 crescerá entre 7,8% e 10,7% na comparação com a temporada 2012/13, quando foram colhidas 81,499 milhões de toneladas de soja, de acordo com o órgão.

Já a produção brasileira de algodão deve ter uma leve redução na atual safra, segundo a nova estimativa. De acordo com a Conab, a colheita da pluma no período deve ficar entre 1,588 milhão de toneladas e 1,664 milhão de toneladas. No relatório divulgado em outubro, a Conab previa que a produção ficaria entre 1,593 milhão e 1,672 milhão de toneladas.

Com as novas projeções, a colheita de soja na temporada 2013/14 deve crescer 21,9% a 27,6% na comparação o 1,303 milhão de toneladas colhido na safra passada, a 2012/13.

(Mariana Caetano e Luiz Henrique Mendes | Valor)

© 2000 – 2013. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/agro/3332538/safra-de-graos-no-brasil-pode-crescer-52-em-201314-diz-conab#ixzz2k3aSmDgH

Fonte: Valor | Por Mariana Caetano e Luiz Henrique Mendes | Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *