RURAL – Outubro fecha com queda de 4% nas exportações de carne bovina

No acumulado do ano até outubro, no entanto, as exportações totais apresentam um crescimento de 9% no volume e de 16% na receita na comparação com 2019

  • As exportações totais de carne bovina (in natura e processada) caíram 4% em outubro, passando de 197.932 toneladas para 189.575 toneladas na comparação com igual período no ano passado. A receita  acompanhou a retração e despencou  8%  também em outubro em relação ao mesmo mês  de 2019, com queda de  858 milhões de dólares para  790 milhões de dólares.  No acumulado do ano até outubro, no entanto, as exportações totais apresentam um crescimento de 9% no volume e de 16% na receita na comparação com 2019.

    Os dados  estão no levantamento  da Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo), que atribui esse cenário à redução do volume importado  por  alguns dos  20 países que são os maiores compradores  de carne bovina na comparação com 2019. A China segue puxando a demanda com 948. 168 toneladas compradas no décimo mês sobre 625.256 toneladas adquiridas no mesmo ciclo de 2019,mas não manteve o saldo positivo para outubro.

    Na sequência, está o Egito, com  retração de  27,4% em relação a 2019; o Chile  com queda de  25,6%,  a Rússia com menos 16% em relação a 2019. Já os Estados Unidos tiveram uma alta de 52,3 % em relação a 2019;os Emirados Árabes  compraram menos de 49%,  enquanto que as Filipinas ampliaram para 15,9% o volume de produtos sobre 2019.

    Taís Teixeira

    Fonte : Correio do Povo

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *