RURAL – Organização Avícola cobra medidas do Mapa sobre abastecimento grãos

Entidade reforça em nota que se não forem adotadas ações de apoio à avicultura, escassez de milho e preços altos podem afetar empregos e atividades do setor

Nereida Vergara

  • A preocupação com o abastecimento de grãos no Rio Grande do Sul e com os preços que impactam nos custos da cadeia produtiva de aves levou a Organização Avícola do Estado (OARS), da qual participam a Associação Gaúcha de Avicultura (Asgav) e o Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas (Sipargs), a emitir uma “Nota de Alerta”, ontem. O texto destaca que foram reencaminhadas à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, as mesmas solicitações feitas no início de dezembro de 2020 para adoção de medidas de socorro ao setor.

    Entre os pedidos estão a criação de um cadastro antecipado de contratações de exportação de milho e soja; suspensão temporária da cobrança do Pis/Cofins sobre a importação destes grãos; linhas de crédito para armazenagem; e revisões de regulamentos da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio) para a importação de variedades de milho. “Entendemos que estas medidas (…) podem amenizar a atual crise e evitar (…) a redução drástica de empregos e atividades rurais, adoção de férias coletivas e redução significativa na produção de alimentos”, ressalta a manifestação.

    Fonte : Correio do Povo

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *