RURAL – Fetag vai a Brasília defender reivindicações para novo Plano Safra

Plano será lançado em junho

Representantes da Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag) estarão em Brasília nesta terça-feira para reunião com o secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Rogério Boeuri, com objetivo de tratar das contratações do Plano Safra 2021/2022, que será lançado em junho, e das que ainda fazem parte do plano em andamento.

O assessor de Política Agrícola Kalinton Prestes, que irá ao encontro junto com  o vice-presidente da entidade, Eugênio Zanetti, afirma que também  está na pauta a suspensão, anunciada na semana passada, dos financiamentos do BNDES,  com recursos governamentais, do Plano Safra 2020/2021. “Muitos contratos de investimento do Pronaf estão represados por causa desta decisão”, diz Prestes.

O presidente do Sindicato das Indústrias de Máquinas e Implementos Agrícolas no Rio Grande do Sul (Simers), Cláudio Bier, afirma que não há, até o momento, reclamações por parte das montadoras sobre a falta de recursos.

O dirigente lembra que o BNDES ainda mantém uma linha de crédito com juros um ponto percentual acima dos que eram cobrados pelo Moderfrota (de 7,5%) e que é nela que o produtor tem buscado suporte para fazer suas compras de maquinário.

Nereida Vergara

Fonte : Correio do Povo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.