RURAL – BNDES suspende linha de crédito para armazenagem

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou, por meio de circular, a suspensão do protocolo de pedidos de financiamentos do Programa para Construção e Ampliação de Armazéns (PCA). Segundo o texto, assinado pelo superintendente da Área de Operações e Canais Digitais, Marcelo Porteiro Cardoso, a suspensão é exclusiva para as operações com taxa de juros prefixada em até 7% ao ano, “em razão do nível de comprometimento dos recursos disponíveis”.

O ano agrícola 2021/2022 teve início no dia 1º de julho. Ao todo, o Plano Safra previa a destinação de R$ 4,12 bilhões para a construção de armazéns nas propriedades, com prazo máximo de pagamento de 12 anos e taxas de juros entre 5,5% e 7%. O BNDES entrava com uma participação de cerca de R$ 1 bilhão. Em anos anteriores, o banco representava uma parcela maior do total de recursos disponíveis para o programa.

Danton Júnior

Fonte ; Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *