RURAL – Aos 110 anos, Cotribá prepara novos investimentos

Serão aplicados R$ 123 milhões na construção de uma fábrica de rações e uma unidade de armazenamento de grãos

Unidade de Cruz Alta, onde será ampliada capacidade de armazenamento

Unidade de Cruz Alta, onde será ampliada capacidade de armazenamento | Foto: Divulgação Cotribá

A Cooperativa Agrícola Mista General Osorio (Cotribá) completou 110 anos em 21 de janeiro e agora, para comemorar a data, anunciou um plano de investimentos que chega a R$ 123 milhões. Deste total, R$ 100 milhões devem ser aplicados em uma fábrica de rações que possibilitará a expansão da comercialização de produtos para todo o Rio Grande do Sul e também Santa Catarina. Os outros R$ 23 milhões serão destinados a uma nova unidade de armazenamento de grãos, em Cruz Alta.

A fábrica de rações será construída em Ibirubá, município onde a cooperativa tem sede e onde produz compostos alimentares destinados prioritariamente à bovinocultura de leite desde 1969. A capacidade de produção será de 200 mil toneladas por ano. A primeira fase de operação deve se iniciar em 2023, incluindo também linhas de rações para bovinos de corte, suínos, ovinos e pets.

O vice-presidente da Cotribá, Enio Cezar Moura Nascimento, afirma que a cooperativa vai suprir a demanda por milho, cevada e aveia que a fábrica terá, na ordem de 1,72 milhão de toneladas por ano, com a produção de sua área de atuação, que inclui 24 municípios da Fronteira Oeste, Metade Sul e Alto Jacuí.

Com mais de 8 mil associados, a Cotribá atua nos segmentos de grãos, insumos, fábricas de rações, farmácia veterinária, seção de peças, postos de combustíveis, supermercados, loja de departamentos, centro comercial e comercialização de diesel a granel para os associados, com entrega na propriedade.

Nereida Vergara

Fonte : Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *