RS reduz benefício para setor avícola

Saiu o decreto da Secretaria da Fazenda que estabelece crédito presumido para abatedores de aves de 2% sobre ICMS de 7%. O benefício, retroativo a janeiro, estende-se até junho para saídas internas de carnes. Entram ainda produtos comestíveis frescos, resfriados, congelados e salgados. O setor, que defendia a manutenção do crédito presumido de 4%, criticou a modificação.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *