RS lidera PAA em recursos

Estado fatura R$ 115 milhões com o programa

Levantamento da Conab aponta que os pequenos produtores do Rio Grande do Sul foram os que amealharam o maior volume de recursos com a venda de produtos ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) com destino à merenda escolar no primeiro semestre de 2013. Foram R$ 115 milhões, R$ 41 milhões a mais que São Paulo, segundo lugar. Em número de beneficiados, contudo, o RS aparece em segundo lugar, com 17 mil produtores atendidos, contra 18 mil de São Paulo. Santa Catarina vem em seguida, com 12 mil produtores e R$ 53 milhões arrecadados. O levantamento ainda aponta que R$ 540 milhões já foram investidos e 128 mil produtores beneficiados no país.

No ranking de regiões, a Sul figura em primeiro tanto em volume de recursos quanto em produtores beneficiados. Foram 42 mil pequenos produtores atendidos, num total de R$ 220 milhões em alimentos comercializados. Sócio-proprietário da agroindústria Seibel, de Tupanciretã, Agostinho Seibel comenta que, se o programa não existisse, seu negócio já teria falido há muito tempo. ‘Metade de tudo o que produzimos vai para a alimentação escolar’, diz citando itens como iogurte, queijo e bebida láctea.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *