PROTETOR SOLAR CHEGA A TRABALHADORES RURAIS

Projeto vai beneficiar 100 mil trabalhadores rurais de 129 municípios.

A Coordenadoria de Saúde de Santo Ângelo foi a primeira a retirar, ontem, no Laboratório Farmacêutico do RS (Lafergs), a sua cota de protetores solares para distribuição gratuita aos pequenos produtores do município, de Guarani das Missões e de Cerro Largo, totalizando 2.489 unidades. Para a região de Caxias devem ser entregues hoje 8.243 unidades. Com a assinatura de termo de cooperação entre Fetag e Secretaria de Saúde será possível dar início ao cadastramento de agricultores familiares dos 129 municípios selecionados para o projeto piloto, beneficiando 100 mil trabalhadores rurais com 300 mil frascos.

Os interessados já podem procurar os sindicatos de trabalhadores rurais levando documentos como carteira de identidade, comprovante de residência e a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP). As entregas serão feitas nas farmácias especiais dos municípios, a partir do dia 10, com apresentação de comprovante.

O produtor terá direito a um frasco do produto, fator 30, a cada quatro meses. ‘Nossa luta é estender o projeto piloto a todos os agricultores familiares gaúchos’, disse a diretora da Fetag Inque Schneider, responsável pela área de saúde. O convênio tem duração de dois anos.

Autor do projeto, o deputado Heitor Schuch comemorou dizendo que ‘o protetor solar saiu por teimosia, persistência e insistência’. A distribuição do produto aos agricultores é uma reivindicação de oito anos. No final de fevereiro, um ato em Santa Cruz do Sul marcaria o lançamento do programa, mas o evento foi cancelado em razão da lei eleitoral.

Com o impasse, a alternativa do governo do Estado foi ampliar a ação a outros públicos. Pessoas com indicação médica e que estão expostas a atividades no sol, como garis, devem encaminhar a documentação às UBSs dos municípios.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *