Produtores investem em sistema de estocagem da soja produzida no RS

Agricultores aguardam a melhora nos preços do grão.
Aumento na oferta provocou queda no valor pago pela saca no estado.

Do Globo Rural

Os agricultores começaram a colher a soja cultivada em lavouras do do Rio Grande do Sul. O trabalho já foi realizado em 25% da área destinada ao grão. O resultado no campo superou as expectativas dos produtores e o escoamento da safra segue em bom ritmo. Mas muitos produtores estão preferindo investir na estocagem do grão para esperar a melhora dos preços.

Com uma produção média de 50 sacas por hectare o Rio Grande do Sul deve colher mais de 12 milhões de toneladas de soja. Na cooperativa de grãos de Cruz Alta, no noroeste do estado, a expectativa é receber mais de um milhão de sacas.

Na safra que deve ser uma das melhores da história do estado os produtores começam a se preocupar com a estocagem da produção. Uma alternativa adotada por muitos agricultores é o modelo de silo-bolsa que tem capacidade para armazenar mais de 180 toneladas de grãos. A procura pelo sistema de armazenamento causou aumento nas vendas do produto. Apenas em uma empresa da região houve crescimento de 30% na comercialização do silo-bolsa nos últimos meses.

O agricultor Décio Teixeira tem uma área plantada de 850 hectares de soja. Os armazéns da propriedade não são suficientes para estocar toda a safra. Por isso, o produtor investiu em torno de R$ 1 mil na compra de um silo-bolsa, que é descartável. A estrutura irá ajudar a guardar parte da safra que o agricultor pretende vender quando os preços estiverem mais altos.

O aumento na oferta de soja provocou queda no valor pago pela saca no Rio Grande do Sul. Produtores que recebiam R$ 60 no início da safra não consegue obter valor maior que R$ 55.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *