Produtor amplia leque de crédito

Os 65 mil associados ao Sistema de Cooperativa de Crédito Rural com Interação Solidária (Cresol) no Rio Grande do Sul ampliaram o leque de captação de recursos com a assinatura de convênio que autoriza o Cresol a operar com o Programa Gaúcho de Microcrédito. A partir da adesão, ontem, na Capital, com participação do governador Tarso Genro, empreendedores individuais ou coletivos, formais ou informais, poderão financiar até R$ 15 mil com juro de 8% ao ano e prazo de pagamento de até dois anos, um público formado por pequenos produtores e agroindústrias, agricultores que exercem funções complementares e até atividades urbanas temporárias. De acordo com o diretor Operacional do Cresol, Cláudio Risson, o financiamento pode ser usado para capital de giro e investimento. Risson acrescenta que o programa apresenta como diferencial o acompanhamento desde a formulação do projeto.
O diretor espera que seja possível operar programa semelhante em SC, onde há 50 mil associados. Apesar de juros mais alto e menor prazo de pagamento que os do Pronaf, o microcrédito é mais flexível na aplicação. No Pronaf, a liberação de verba está vinculada a uma finalidade específica, explica a coordenadora da Fetraf-Sul, Cleonice Back.

Fonte:  Correio do Povo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.