Produção própria também aumenta

Mesmo que seu crescimento esteja sendo puxado pelas operações de trading, a Cantagalo General Grains considera estratégicos seus investimentos na produção agrícola. A companhia conta com 150 mil hectares agricultáveis no país e, desse total, aproximadamente 48 mil hectares estão em produção, distribuídos por quatro fazendas localizadas nos Estados de Mato Grosso, Piauí, Goiás e Minas Gerais.

De acordo com Luiz Aguiar, CEO da Cantagalo, este ano será o primeiro de geração operacional positiva de caixa dessa divisão da companhia. "Nossa produção está ficando mais madura, está gerando fluxo positivo agora", afirmou o executivo. A empresa se dedica ao cultivo de soja, milho, algodão e também à pecuária. A soja é o carro-chefe da empresa.

Esse braço de cultivo agrícola responde por um montante menor do faturamento do grupo – em torno de R$ 200 milhões dos US$ 1,4 bilhão previstos para 2015 -, mas os planos de expansão continuam aquecidos, ainda que sejam feitos "com cautela".

Conforme Aguiar, a prioridade da Cantagalo é investir na ampliação dos plantios dentro das propriedades que já fazem parte de seu portfólio. "Por ora, não está no radar a compra de novas áreas", adiantou ele.

Fonte: Valor | Por Mariana Caetano | De São Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *