Produção de carne precisará mais do que dobrar até 2050

Aumento da população e da renda podem se transformar em oportunidade para o produtor gaúcho

Produção de carne precisará mais do que dobrar até 2050 divulgação/Festival de Cinema de Blumenau

Foto: divulgação / Festival de Cinema de Blumenau

O crescimento previsto para a população mundial, que deve chegar a 9,2 bilhões de habitantes até 2050, representará uma oportunidade para o produtor de carne. Com renda maior, a população incluirá na sua dieta cada vez mais proteína.

Para atender a demanda, será necessário mais do que dobrar a produção de carne (frango, suína e bovina) em um período de 40 anos, de 268,42 milhões de toneladas para 589, 83 milhões. É o que aponta estudo apresentado pelo economista-chefe da Federação da Agricultura (Farsul), Antônio da Luz, durante o seminário De Onde Virão os Terneiros?, em São Luiz Gonzaga, nas Missões.

Para o produtor de carne bovina, contudo, a grande diferença vai estar nos chamados mercados prime.

— O Brasil precisa começar a concorrer pela qualidade e não pelo preço. E para isso, precisar ser competitivo no mercado internacional— afirma Da Luz.

Hoje, o Brasil exporta apenas 14% do que produz. O restante, 86%, ainda é destinado ao mercado interno.

Fonte: Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *