Presidente de associação alerta para redução de recursos para Expoleite e Fenasul

Marcos Tang afirmou que cerca de R$ 100 mil foram assegurados via patrocínio de instituições financeiras

Marcos Tang lamentou a existência de poucos recursos para a realização de feira e exposição

Marcos Tang lamentou a existência de poucos recursos para a realização de feira e exposição | Foto: Guilherme Testa

A menos de uma semana do início da 42ª Expoleite e 15ª Fenasul, o presidente da Associação dos Criadores do Gado Holandês (Gadolando), Marcos Tang, alertou que a feira nunca contou com tão pouco recurso financeiro para a sua realização. O recado foi dado durante o lançamento oficial do evento, na manhã desta quinta. A exposição ocorre de 15 a 19 de maio, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.

Segundo o dirigente, estão assegurados cerca de R$ 100 mil, obtidos via patrocínio de instituições financeiras. Presidente da Gadolando pela terceira vez, Tang vai para a sua quinta edição de Expoleite/Fenasul no comando da entidade e afirma que o orçamento do evento costuma contar com R$ 150 a R$ 200 mil, embora a necessidade seja ainda maior. As maiores despesas referem-se a limpeza e segurança do local.

Por outro lado, Tang salientou a união de esforços com criadores de cavalos Crioulos e Árabe, que também contam com provas ao longo da programação. Para 2020, a intenção é aumentar ainda mais a presença de outras espécies. Uma das metas é trazer a Fenovinos para o Parque Assis Brasil. O presidente da Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac), Leonardo Lamachia, disse que, apesar do recurso escasso, esta será a maior Expoleite já realizada em um primeiro ano de governo.

O secretário da Agricultura, Covatti Filho, afirmou que o governo do Estado enfrenta uma situação de restrição orçamentária, mas disse que o valor obtido via patrocínio nunca foi tão grande – segundo ele, são cerca de R$ 120 mil. "Estamos esperando algus outros patrocínios que acho que vão surgir para suprir esta falta de recursos", informou.

Expectativa pela presença de 100 mil pessoas

Com atrações voltadas aos públicos rural e urbano, a expectativa dos organizadores é contar com um público de 100 mil pessoas ao longo da programação. A programação inclui eventos como o Pub do Queijo, a cargo do Sindilat, e a Multifeira, promovida pela Prefeitura de Esteio para divulgação dos empreendedores locais. Uma das novidades desta edição é a abertura do portão 3 (na frente do parque), o que facilita o acesso dos visitantes que chegam a Esteio via Trensurb. A entrada dos animais no parque tem início na próxima segunda-feira, às 8h. A raça Holandês vai estar representada com 111 animais.

Por Danton Júnior

Fonte : Correio do Povo