Preço pago pelo leite sobe 1,1% em fevereiro, aponta Cepea

Entretanto, custos elevados reduzem margem do produtor

por Globo Rural On-line

 Shutterstock

O preço médio pago pelo leite aos produtores voltou a subir em fevereiro. Segundo dados divulgados nesta quinta-feira (1/3) pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP,  a média ponderada dos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Goiás e Bahia, foi de R$ 0,8408 o litro, aumento de 1,1% (ou 0,9 centavo por litro) em relação ao pagamento de janeiro. Este valor representa um aumento real de 8,3% em relação a fevereiro de 2011.
Apesar do leve aumento de preços em fevereiro, a margem bruta do produtor de leite foi reduzida neste início de ano, com o encarecimento da alimentação concentrada e da mão de obra. Devido aos reajustes de insumos com milho e farelo de soja, a dieta concentrada teve aumento de 11% na média dos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Goiás entre dezembro e janeiro. Além disso, o aumento do salário mínimo de 14% a partir de janeiro pesou nos custos do pecuarista leiteiro, tendo em vista que na maioria das vezes o pagamento de funcionários é indexado ao salário mínimo.

Fonte: Globo Rural

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.