Preço do etanol ao consumidor sobe em 15 Estados, segundo a ANP

Canal Petrobras

SÃO PAULO  -  O preço do etanol hidratado, que é usado diretamente para abastecer veículos, subiu ao consumidor final em 15 Estados brasileiros na última semana encerrada no dia 26, segundo dados divulgados pela Agência Nacional de Petróleo (ANP). No Paraná, o preço do biocombustível registrou a maior alta. Em nove Estados o preço do etanol ao consumidor caiu e em dois Estados e no Distrito Federal, ficou estável.

Atualmente, é vantajoso abastecer com etanol em vez de gasolina em quatro unidades da Federação — nesses Estados, o preço médio do etanol ao consumidor final equivale a menos de 70% do preço da gasolina.

Entre eles está Goiás, onde na última semana o preço médio do litro do biocombustível ficou estável com a paridade a 66% em relação ao preço da gasolina. Em Mato Grosso o preço do etanol subiu 0,61%, mas a paridade permaneceu na casa dos 65%.

No Paraná, mesmo com a alta de 1,68% no preço médio do litro do biocombustível, ainda é vantajoso ao consumidor final usar etanol, uma vez que a paridade com a gasolina está em 67%. Em São Paulo, maior Estado consumidor de combustíveis do país, o preço do etanol nos postos subiu 0,11%, mas a paridade se manteve praticamente inalterada em 65%.

Em Mato Grosso do Sul os preços caíram 0,11%, e a paridade saiu de 71% para 70%, percentual que torna indiferente ao consumidor abastecer com etanol ou com gasolina.

Os Estados cujos preços do etanol apresentaram alta na última semana são Acre (0,64%), Alagoas (0,53%), Amapá (0,92%), Bahia (1,12%), Mato Grosso (0,61%), Minas Gerais (0,09%), Paraná (1,68%), Rio de Janeiro (0,62%), Rio Grande do Norte (0,16%), Rondônia (0,12%), Roraima (0,40%), Santa Catarina (1,11%), São Paulo (0,11%), Sergipe (0,04%) e Tocantins (0,18%), segundo dados da ANP.

O preço do etanol ao consumidor recuou no Amazonas (0,86%), no Ceará (0,21%), no Espírito Santo (0,61%), em Mato Grosso do Sul (0,10%), no Pará (0,39%), na Paraíba (0,04%), em Pernambuco (0,17%), no Piauí (0,08%) e no Rio Grande do Sul (0,12%).

Se mantiveram estáveis os preços do biocombustível no Maranhão, em Goiás e no Distrito Federal.

Nas usinas em São Paulo, os preços do hidratado recuaram 0,41% na última semana, a R$ 1,1662 por litro, segundo o indicador Cepea/Esalq.

(Fabiana Batista | Valor)

© 2000 – 2013. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/agro/3319400/preco-do-etanol-ao-consumidor-sobe-em-15-estados-segundo-anp#ixzz2j6psXWG4

Fonte: Valor | Por Fabiana Batista | Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *