PREÇO DO ARROZ SE ESTABILIZA APÓS ALTA

Após alta entre julho e setembro em função da queda na safra, o preço do arroz se estabilizou desde o começo desta semana no Estado, tendência que deve se manter até o final do mês. Depois de três leilões de venda do governo, o valor médio ponderado da saca ao orizicultor ontem era de R$ 39,56. A alta acumulada de 45% desde o começo da safra, em março, é de 66,6% em relação a 1 de outubro de 2011. A expectativa do consultor Cargos Cogo é que haja nova movimentação no mercado a partir da segunda quinzena do mês, quando a necessidade de fazer caixa para pagar custeios deve levar o produtor a ofertar o cereal. Também é aguardado novo leilão do governo, que fez três intervenções no mercado desde 31 de agosto para conter a cotação e evitar pressão sobre preços ao consumidor. Até o final da safra, a intenção é a venda de 500 mil toneladas de estoques públicos, que totalizam hoje 1,5 mil toneladas. O presidente da Federarroz, Renato Rocha, acredita que, mesmo com a concentração de oferta, o preço se manterá em função do superávit comercial.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *