PL do licenciamento ambiental deve ser analisado em março, afirma Maia

Entidades de diversos setores, entre eles a agropecuária, entregaram carta aberta ao presidente da Câmara com pontos estratégicos que devem ser tratados no projeto

CAR, licenciamento ambiental, meio ambiente, floresta

O deputado Kim Kataguiri é o relator do Projeto de Lei Geral do Licenciamento Ambiental. Foto: Zig Koch/Embrapa

As entidades ligadas à infraestrutura, construção civil, transporte, saneamento, energia e agropecuária entregaram ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), nesta quarta-feira, 19, uma carta aberta na qual apontam pautas estratégicas sobre o marco legal para o licenciamento ambiental no Brasil. Na reunião, Maia prometeu pautar o projeto em março.

Relator do Projeto de Lei Geral do Licenciamento Ambiental (PL 3729 de 2004), deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP), ressaltou que entre os principais pontos no documento destaca a necessidade de garantir aspectos fundamentais como a adequação das exigências e das modalidades de licenciamento.

“Às características dos empreendimentos e à potencialidade de impactos, a autonomia do órgão ambiental, a vinculação das condicionantes ambientais aos impactos identificados nos estudos, caracteriza a integração e otimização do licenciamento de empreendimentos similares e a ênfase nas etapas prévias e de monitoramento,” disse.

Além de regras gerais, o documento explica ainda que, é necessário um ordenamento administrativo do processo com uma divisão mais equilibrada de obrigações e prazos entre os entes privados e públicos – o que passa pelo estabelecimento de prazos máximos, razoáveis e previsíveis para a manifestação conclusiva dos órgãos ambientais, unificação de requerimentos técnicos e uniformização dos prazos de validade das licenças.

“Precisamos também de regras claras, com conceitos e critérios objetivos, que tornam o licenciamento mais ágil e previsível para todo e qualquer empreendimento ou atividade”, afirmou.

Fonte: Canal Rural

19 de fevereiro de 2020 às 16h43

Por Canal Rural

Compartilhe!