PIB calculado por CNA e Cepea ficou estável em janeiro

O Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio calculado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq/USP) encerrou janeiro com leve alta de 0,02%. O resultado foi garantido por avanços de 0,07% registrados nos segmentos primário e industrial da agropecuária. O segmento de distribuição ficou estável, enquanto no de insumos foi registrada uma retração de 0,2%.

Esses avanços dos segmentos primário e industrial da agropecuária foram garantidos pelas cadeias produtivas da pecuária, onde houve melhoras nas áreas primária (0,25%), industrial (0,68%) e de distribuição (0,42%) no primeiro mês do ano. "Tal desempenho é resultado da maior produção média dos setores acompanhados, visto que, para os preços médios, houve redução (0,15%) na comparação com janeiro de 2013", informou a CNA.

Na agricultura, as quedas foram generalizadas, apesar do aumento da safra de grãos. A maior foi na área de insumos (0,33%), mas também houve recuos nos segmentos primário (0,07%), industrial (0,03%) e de distribuição (0,18%). Assim, no agronegócio ligado à agricultura o PIB em janeiro caiu 0,11%, ao passo que no agronegócio da pecuária o resultado foi positivo em 0,32%.

Mais em www.cna.org.br

© 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/agro/3586114/pib-calculado-por-cna-e-cepea-ficou-estavel-em-janeiro#ixzz34trSidyG

Fonte: Valor | Por Fernando Lopes | De São Paulo