Pesquisa deve apontar nova queda do desmatamento na Amazônia

O Ministério do Meio Ambiente trabalha com a indicação de que a pesquisa mensal, que será divulgada nos próximos dias, vai mostrar nova queda do desmatamento na Amazônia.

De acordo com a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, apesar dos avanços obtidos, há necessidade de melhoria das ações de controle. "Temos de melhorar a atuação em relação à questão do desmatamento puxadinho (abate de árvores concentrado em áreas inferiores a 25 hectares), às propriedades que estão licenciadas e estão desmatando ilegalmente e às oportunidades do Cadastro Ambiental Rural (CAR), mas também às limitações desse cadastro", explica Izabella.

O cadastro, que servirá como instrumento para monitorar a situação de Áreas de Preservação Permanente (APPs) das propriedades rurais do País, vem sendo testado no Mato Grosso e no Pará.

"Você ainda tem desmatamento expressivo no Pará, mas é importante a mudança com o avanço das políticas públicas. O Cadastro Ambiental Rural (CAR) vai ser essencial para regularização fundiária e ambiental", avalia Izabella.

A redução do desmatamento é um dos aspectos que preocupam o ministériop em relação à Amazônia."O desafio não é só o desmatamento, mas o crescente avanço do garimpo na Amazônia, particularmente em terras indígenas, que é algo que achamos que estava minimizado", exemplifica a ministra.

Fonte : Terra