Pecuária é desafiada pelo avanço da soja no Estado

Encontro realizado em São Luiz Gonzaga, nas Missões, mostra que é preciso melhorar os índices da produção de terneiros

Pecuária é desafiada pelo avanço da soja no Estado Tiago Francisco/Divulgação Farsul

Com avanço da agricultura, pecuária se vê desafiada a produzir melhores resultados Foto: Tiago Francisco / Divulgação Farsul

Gisele Loeblein

gisele.loeblein@zerohora.com.br

Na semana em que o impacto da soja no crescimento de 15% da economia gaúcha no segundo trimestre de 2013  foi destaque, o debate sobre o avanço do grão no Rio Grande do Sul ganhou força em São Luiz Gonzaga, nas Missões, onde é realizada a 50ª Etapa do Fórum Permanente do Agronegócio, promovido pela Federação da Agricultura do Estado. No município, a área cultivada com o grão cresceu 5 mil hectares sobre áreas de pecuária de corte.
Conforme dados do IBGE apresentados pela professora Luciana Pötter, do departamento de zootecnia da Universidade Federal de Santa Maria, nos últimos 10 anos o crescimento das lavouras de verão no Rio Grande do Sul foi de 14%, grande parte em áreas onde se cria gado.
Diante desse cenário, a pecuária se vê desafiada a produzir melhores resultados, sobretudo na produção de terneiros, já que hoje a taxa de desmame no Estado é de apenas 56%.
– Como uma pecuária com essa ineficiência pode competir com a soja? Fica difícil defender a pecuária com baixos índices de reprodução – provocou o professor José Fernando Piva Lobato, do departamento de zootecnia da UFRGS.

Fonte: Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *