Parque de Exposições Assis Brasil conclui obras para evitar alagamentos na Expointer 2014

No total, o governo do Estado já investiu R$ 12,3 milhões em melhorias no local

David Alves

Foto: David Alves / Palácio Piratini

Trabalho ocorre para que feira não enfrente alagamentos

A quatro dias de receber a 37ª Expointer, maior feira do agropecuário da América Latina, que ocorre até sete de setembro, o Parque de Exposições Assis Brasil apresenta novidades aos visitantes, como a obra contra alagamentos do Arroio Esteio. Na área de 141 hectares onde acontece a exposição internacional de animais, máquinas, implementos e produtos agrícolas, as obras do projeto de modernização do parque estão praticamente concluídas.
• Leia todas as notícias sobre a Expointer

No total, o governo do Estado já investiu R$ 12,3 milhões em melhorias no local desde 2012.
– O visitante da 37ª Expointer encontrará um parque moderno e remodelado. Estamos trabalhando para que a feira ocorra sem alagamentos no Arroio Esteio e com acesso facilitado pela BR-448. Temos a expectativa de que 800 mil pessoas visitem o evento, por isso temos que proporcionar segurança e conforto à população – explicou o subsecretário do Parque Assis Brasil, Adeli Sell.
• Expointer terá acesso secundário pela BR-448

Segundo Adeli Sell, por ser um período do ano em que chove muito no Rio Grande do Sul, resolver a questão de drenagem e das áreas de contenção de água no espaço foi fundamental.

– Para isso fizemos um conjunto de pequenas operações para facilitar o escoamento. Canalizamos de forma que os espaços de água empoçada sejam direcionados para o Arroio Esteio – disse.

O presidente do Sindicato das Indústrias de Máquinas e Implementos Agrícolas do RS (Simers), Cláudio Bier, também destacou a drenagem da água como uma das ações prioritárias no local da exposição.

– Em 2013 nós tivemos praticamente um dilúvio durante a Expointer, mas esse ano São Pedro não vai nos pegar desavisado, fizemos uma contenção de barragem – salientou.

Além das melhorias de drenagem, da correção no escoamento da água para o Arroio Esteio, o projeto de modernização reformou e duplicou a área de camping, concluiu o cercamento do parque e aprimorou os lavatórios para os bovinos, especialmente para o de gado de corte.

Ampliação do projeto

Com o projeto de modernização, o Estado pretende investir no Parque Assis Brasil R$ 200 milhões entre recursos públicos e privados. Duas parcerias público-privadas, uma com o Simers e outra com a Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), vão somar mais de R$ 60 milhões ao longo de oito anos – tempo previsto para a remodelação total dos 141 hectares do parque.

A 37ª Expointer contará com 4,9 mil animais, entre bovinos, ovinos, equinos, suínos, aves, caprinos e outros. A expectativa para esta edição é positiva, com a possibilidade de números semelhantes aos de 2013 – quando a feira finalizou com um total de comercialização de R$ 16,3 milhões, apenas na área de animais. O total geral comercializado na 36ª Expointer alcançou R$ 3,2 bilhões.

Fonte: Ruralbr