Paim registra preocupação de agricultores gaúchos com o novo Código Florestal

Fonte: Jornal Correio do Brasil | Por Agencia Senado

O senador Paulo Paim (PT-RS) leu em Plenário, nesta quarta-feira (14), documento da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Sul (Fetag-RS) em que a entidade manifesta preocupações sobre o projeto do novo Código Florestal (PLC 30/2011), atualmente em debate no Senado.

Os agricultores gaúchos entendem que a aplicação da legislação ambiental, especialmente no que se refere a áreas de preservação permanente (APPs), tornaria inviável grande parte da atividade agropecuária naquele estado. O documento da Fetag-RS ressalta que é preciso levar em conta os limites e as fragilidades da agricultura familiar e a importância da categoria para a segurança alimentar e para a geração de postos de trabalho.

O senador elogiou as propostas da entidade por seu objetivo de conciliar a preservação ambiental e a produção de alimentos, e manifestou a esperança de que o Senado chegue a uma redação que atenda a todos.

Homenagens

Paulo Paim saudou a gaúcha Priscila Machado pela conquista da terceira colocação no concurso Miss Universo, realizado em 12 de setembro, e destacou a vitória da angolana Leila Lopes no evento. O parlamentar repudiou os xingamentos racistas sofridos pela candidata vencedora, atribuindo-os a uma minoria extremista.

O senador também cumprimentou o governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, pelo plano de implantação de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) no estado, seguindo o modelo adotado no Rio de Janeiro. Paim ressaltou que os bairros de Porto Alegre que receberão as unidades, além do reforço na segurança pública, terão incremento de programas sociais. Segundo o plano, Passo Fundo, Caxias do Sul e Canoas deverão ser as próximas cidades gaúchas contempladas com UPPs.

Da Redação / Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *