opeavi é a 7ª maior empresa do agronegócio capixaba

A revista Exame publicou a edição especial sobre as Maiores e Melhores empresas do país. Junto com este ranking, também foi publicado a listagem das 400 Maiores do Agronegócio brasileiro, onde a Coopeavi figurou no 300º lugar, vinte e uma posições acima em relação a edição publicada em 2015. O ranking ainda mostra a Coopeavi em primeiro lugar entre as cooperativas agropecuárias do Espírito Santo e na listagem geral de empresas capixabas citadas, a Coopeavi subiu uma posição e agora é a sétima maior empresa agro do Estado.
O anuário é uma das publicações mais esperadas no mundo corporativo, pois lista empresas destaques de vários segmentos econômicos e seus resultados. A Coopeavi cresceu 5,1% no último ano e faturou R$ 355,2 milhões. Além disso, o número de produtores rurais associados à cooperativa já ultrapassa a marca de 11 mil. Em cinco anos, de 2011 até 2016, a cooperativa ganhou 85 posições, já o faturamento cresceu 190,7%.
Entre as principais conquistas da cooperativa em 2015 foi a ampliação das estruturas e a rede de lojas de produtos agropecuários. Foram investidos mais de 16 milhões de reais para inaugurar três filiais (João Neiva, Inhapim e Barra de São Francisco), um Armazém para Café (Vila Valério), o Complexo Logístico (Ibiraçu) e outras obras de melhorias das atuais estruturas. Além disso, também houve a incorporação da Cooperativa dos Cafeicultores das Montanhas do Espírito Santo (PRONOVA), em Venda Nova do Imigrante.
Com estes investimentos, a Coopeavi fechou o último ano com 20 filiais e cinco armazéns para cafés. Outro marco foi a IV Semana Tecnológica do Agronegócio, evento que reuniu mais de 5 mil pessoas e faturou, em três dias, cerca de 25 milhões de reais.
Desde o início deste ano, o objetivo está sendo alinhar e padronizar os processos internos para continuar a crescer. Já que diante do cenário de incertezas políticas e econômicas, o crédito disponível no mercado está mais escasso, sem contar com o grande impacto da falta de chuva no Estado. “Em função da crise, o crédito está menor e por isso há pouca margem para investimentos mais robustos neste ano, além disso, a crise hídrica impactará muito na atual safra, reduzindo a produção nos empreendimentos rurais”, afirma o presidente da Coopeavi, Arno Potratz
O maior investimento da cooperativa para este ano foi a aquisição de uma fazenda e a construção de um Condomínio Avícola, que será inaugurado no dia 22 de julho, em Alto Caldeirão, município de Santa Teresa. Já a quinta edição da Semana Tecnológica do Agronegócio será realizada durante os dias 17 a 20 de agosto, no Parque de Exposição de Santa Teresa, região Serrana do Espírito Santo.

Assessoria de Imprensa Coopeavi

Fonte : Easycoop