NOTÍCIAS – Destaques do dia: o que foi notícia nesta segunda-feira (26/4)

De segunda a sexta-feira, Globo Rural traz um resumo das principais informações do agronegócio

Destaques do Dia (Foto: Estúdio de Criação)

(Foto: Estúdio de Criação)

Boa noite! Confira os destaques desta segunda-feira (26/4) no site da Revista Globo Rural.

Caminhoneiros na Argentina

infraestrutura_transporte_caminhão (Foto: José Medeiros/ Editora Globo)

(Foto: José Medeiros/ Editora Globo)

Após uma semana de tensões em Uruguaiana (RS), na fronteira Brasil-Argentina, cerca de 50 caminhões vindos da Argentina cruzaram a fronteira na manhã desta segunda-feira (26/4). A liberação é resultado de acordo fechado no final de semana com caminhoneiros autônomos do Brasil, prefeitura e Receita Federal para suspender o bloqueio na fronteira.

Os motoristas vindos da Argentina foram submetidos a testes rápidos de Covid-19 antes de ter autorização para seguir viagem. Pela manhã, 800 caminhões ainda estavam parados na aduana de Uruguaiana, sendo que 540 já estavam autorizados pelos fiscais a sair.

Exportação recorde

Soja-Exportação (Foto: REUTERS/Paulo Whitaker)

(Foto: REUTERS/Paulo Whitaker)

As exportações brasileiras de soja totalizaram 14,6 milhões de toneladas até a quarta semana deste mês, volume que caminha para superar o recorde mensal de 14,85 milhões registrado em abril do ano passado, mostraram dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) nesta segunda-feira (26/4).

Em receita, os 6,04 bilhões de dólares obtidos com as vendas externas de soja no período já ultrapassam os 5,03 bilhões faturados em todo o mês de abril de 2020. Isso porque, de acordo com o levantamento, o preço médio subiu de 338,7 dólares por tonelada para 413,2 dólares no comparativo anual.

Frigoríficos em crise

boi-confinamento-gado-rebanho (Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

A elevada ociosidade dos frigoríficos brasileiros de carne bovina, gerada pela escassez de animais prontos para abate em meio a um mercado interno fraco, pode dificultar a vida dos pecuaristas que ainda têm animais disponíveis.

Com unidades menores fechando as portas, analistas destacam que o atual contexto tende a aumentar a concentração do mercado de carne bovina entre as grandes indústrias exportadoras, reduzindo as opções de venda desses produtores.

Conectividade rural

Não há plano de Estado para conectividade rural, segundo Leonardo Capdeville (Foto: Divulgação/TIM)

(Foto: Divulgação/TIM)

A ampliação da internet 4G no Brasil está condicionada à iniciativa privada e aos produtores rurais com poder aquisitivo para arcar com os altos custos da carga tributária do setor de telecomunicações.

A avaliação é de Leonardo Capdeville, vice-presidente de tecnologia da TIM. Segundo ele, faltam programas de incentivo à conectividade no campo por parte do governo federal.

Soja nas alturas

agricultura-soja-exportação (Foto: Paulo Whitaker/Reuters)

(Foto: Paulo Whitaker/Reuters)

Os preços da soja estão em patamares recordes no mercado brasileiro, apontou levantamento divulgado nesta segunda-feira (26/4) pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada  (Cepea-Esalq/USP).

Segundo os pesquisadores, o indicador Esalq/BM&FBovespa para Paranaguá (PR) chegou a R$ 181,20 pela saca de 60 kg na última quinta-feira (22/4) e fechou a semana em R$ 180,96. Já o indicaador cepea/Esalq Paraná bateu R$ 175,64 na quinta e atingui R$ 174,50 na sexta.

Leilão de biodiesel

Biodiesel (Foto: Embrapa/Divulgação)

(Foto: Embrapa/Divulgação)

O 79º leilão de biodiesel negociou 1,05 bilhão de litros, com o preço médio atingindo 5,536 reais por litro, o que resultou em um valor total negociado de 5,82 bilhões de reais, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta segunda-feira (26/4).

O anúncio da ANP confirma informação da indústria, que apontou na semana passada que o preço do leilão havia tido uma alta de cerca de 17% ante o certame anterior.

Crédito rural

Colheita de milho 23/02/2021 (Foto: Adrees Latif/Reuters)

(Foto: Adrees Latif/Reuters)

No projeto de lei em que solicita crédito suplementar para o orçamento de 2021, o governo federal recompõe recursos previstos para subvenção ao crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), custeio de grandes produtores e alongamento de dívidas e ainda adiciona R$ 1 bilhão para linhas destinadas a investimentos do setor.

Está prevista a recomposição para o Ministério da Economia de um total de R$ 4,230 bilhões destinado a operações de crédito agrícola. Do montante, R$ 1,350 bilhão tem como destino a subvenção de operações do Pronaf e R$ 1,663 bilhão para subvenção de taxas em linhas de investimento rural e agroindustrial – R$ 1 bilhão a mais do que o previsto.

Café na pandemia

Garçom serve clientes em uma cafeteria em São Paulo; consumo da bebida tem se firme pelo mundo apesar da pandemia (Foto: REUTERS/Nacho Doce)

(Foto: REUTERS/Nacho Doce)]

A queda na oferta de café, com uma safra brasileira mais fraca, e uma demanda global resiliente deverão colaborar para "fortes emoções" no mercado neste ano, à medida que o mundo emerge da pandemia e o consumo é potencializado, disse o presidente do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé).

Nicolas Rueda comentou, em entrevista à Reuters, que ainda é preciso saber exatamente quanto a safra de arábica 2021/22 será reduzida por uma severa seca do ano passado, que afetou a florada das árvores que já estariam no ano de baixa do ciclo bianual. Mas ele assegurou que, do lado da demanda, há "uma história muito positiva".

Natural da Terra na bolsa

economia-mercado-bolsa (Foto: Reuters)

(Foto: Reuters)

A rede de lojas de hortifruti Natural da Terra pediu registro para realizar uma oferta inicial de ações (IPO), num possível sinal de que empresas brasileiras estão voltando a testar o apetite de investidores, após mais de 20 delas terem desistido dos planos de estreia na B3.

A companhia criada em 1989 no Espírito Santo, que se apresenta como maior rede varejista especializada do país em produtos frescos, com 71 lojas no Rio de Janeiro e em São Paulo, diz que planeja ganhar força num mercado altamente fra

REDAÇÃO GLOBO RURAL

Fonte : Globo Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *