NOTÍCIAS – Destaques do dia: o que foi notícia nesta quarta-feira (26/5)

De segunda a sexta-feira, Globo Rural traz um resumo das principais informações do agronegócio

Destaques do Dia (Foto: Estúdio de Criação)Boa noite! Confira os destaques desta quarta-feira (26/5) no site da Revista Globo Rural.

Retomada do setor de máquinas

trator-fendt-maquinas-plantio (Foto: Divulgação)

As exportações sentiram fortemente a redução do comércio global, mas já dão sinal de retomada (Foto: Divulgação)

A receita total do setor fabricante de máquinas e equipamentos foi 3,8% inferior a de março de 2021, mas fechou abril 72,2% acima do registrado no mesmo mês do ano passado, que marcou o início da crise da pandemia de Covid-19.

As informações são da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). “São números positivos. Desde 2008, é a primeira vez que podemos falar que ‘agora vai’”, afirmou José Velloso, presidente da entidade.

Por outro lado, a associação afirma que o preço do aço preocupa e que iniciará nos próximos dias uma fará campanha para incentivar importações para contrapor os seguidos reajustes do produto no país.

Recomposição do Plano Safra

Congresso Nacional (Foto: Reuters/Adriano Machado)

Sessão de deputados e senadores serão realizadas separadamente por conta da pandemia de Covid-19 (Foto: Reuters/Adriano Machado)

O Congresso Nacional tem sessão conjunta convocada para a próxima terça-feira (1/6), quando deve analisar vetos presidenciais e projetos de lei, dentre eles o que readequa e repõe quase R$ 20 bilhões ao Orçamento para pagamento de benefícios sociais, incluindo R$ 2,5 bilhões para subvenção ao crédito rural.

Sessão convocada para a próxima semana traz na pauta vetos a projeto que tratou da adesão ao consórcio de vacinas Covax Facility, a projeto que dispõe sobre a responsabilidade civil relacionada e eventos adversos pós-vacinação contra a Covid-19 e negativa presidencial a projeto que trata do oferecimento de internet a alunos e professores da rede pública de ensino, além do veto a projeto que institui os Fundos de Investimento nas Cadeias Produtivas Agroindustriais (Fiagro).

Reação à quebra de safra no café

Plataforma permite aos cafeicultores vender grãos especiais diretamente ao consumidor. Na foto: Café recém-colhido (Foto: Rogerio Albuquerque)

Produtores afirmam que preços do café dispararam porque tempo mais seco que o normal deve causar forte redução na safra do país. Na foto: Café recém-colhido (Foto: Rogerio Albuquerque)

Produtores de café do Brasil, maior fornecedor global da commodity, estão tentando renegociar contratos de venda com exportadores e operadores a preços mais altos, gerando na indústria temores de calotes generalizados, segundo profissionais do mercado.

Os agricultores e seus representantes querem agora valores mais elevados do que aqueles que haviam aceitado há alguns meses – ou até mesmo um ano -, afirmando que os preços do café dispararam porque o tempo mais seco que o normal deve causar uma forte redução na safra do país.

Programa contra feijão pirata

Feijão (Foto: Getty Images)

Sementes de feijão do tipo cavalo em recipiente (Foto: Getty Images)

O Instituto Brasileiro do Feijão e Pulses (Ibrafe) e a Ceptis Agro lançam nesta quinta-feira (27/5) o programa Semente Legal que visa combater a pirataria e garantir a origem e a qualidade das sementes de feijão no Brasil. Pela parceria, produtores de sementes, revendedores, distribuidores e consumidores poderão contar com o selo Semente Legal.

Segundo dados do Ibrafe, 90% das sementes comercializadas no país são piratas, ou seja, não têm certificação nem origem comprovada. Uma semente fora do padrão pode causar queda na produtividade, disseminação de pragas e doenças.

Reivindicação dos caminhoneiros

protesto-caminhoneiros (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil )

Na foto: dois homens em cima do caminhão em meio a uma paralisação da categoria (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil )

O Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas (CNTRC), grupo que reúne representantes de caminhoneiros, defendeu em carta aberta ao presidente Jair Bolsonaro que o governo deveria taxar exportações de petróleo e utilizar a arrecadação para reduzir impostos sobre combustíveis.

O pleito, em documento com data de 25 de maio, vem após os valores dos combustíveis terem voltado a subir nos postos no Brasil neste mês, com o fim de uma isenção temporária de impostos federais garantida para o diesel, que valeu por dois meses.

Zonas livres de aftosa

vacinacao-febre-aftosa-boi-pecuaria (Foto: Fernando Dias/Secom SC)

Plano brasilerio prevê erradicação total da vacinação contra febre aftosa até 2026 (Foto: Fernando Dias/Secom SC)

O Ministério da Agricultura divulgou nesta quarta-feira (26/5) que o Brasil recebeu o reconhecimento internacional de três novas zonas livres de febre aftosa sem vacinação. Segundo a pasta, a área abrange os estados do Paraná, Rio Grande do Sul, Acre, Rondônia e parte do Amazonas e do Mato Grosso, as mesmas que tiveram parecer favorável da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) em março deste ano.

No Amazonas, os municípios de Apuí, Boca do Acre, Canutama, Eirunepé, Envira, Guajará, Humaitá, Itamarati, Ipixuna, Lábrea, Manicoré, Novo Aripuanã, Pauini e parte do município de Tapauá receberam o reconhecimento internacional de livres de febre aftosa sem vacinação. Em Mato Grosso, o reconhecimento foi dado ao rebanho de Rondolândia, e partes de Aripuanã, Colniza, Comodoro e Juína.

Dicas de economia na nutrição animal

aves-frango-corte-granja (Foto: Leo Drumond/Ed. Globo)

Preço recorde do milho exige maior eficiência e combate ao desperdício nas granjas (Foto: Leo Drumond/Ed. Globo)

A forte alta no preço do milho e da soja, que pressiona os custos de produção da carne no país, também foi acompanhada pelos grãos que outrora eram utilizados para baratear a alimentação animal.

Em Mato Grosso, por exemplo, o sorgo, que era negociado na casa dos R$ 22 no ano passado, atingiu o preço médio de R$ 50,88 em abril, segundo levantamento feito pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) – valorização de mais de 230%. No mesmo período, o milho aumentou 100% e a soja, 60%.

Por isso, Globo Rural separou cinco dicas para o produtor economizar na nutrição de aves e suínos.

Boom das agtechs

Agtech (Foto: IStock)

Mapeamento visa dar visibilidade às agtechs e gerar informações que estimulem as oportunidades de negócios (Foto: IStock)

O Radar Agtech Brasil 2020/2021, elaborado em parceria entre Embrapa, SP Ventures e Homo Ludens Research and Consulting, com apoio do Ministério da Agricultura, aponta que o país já conta com 1.574 startups atuando no agronegócio.

Mesmo em um ano de pandemia, o estudo mapeou um número de agtechs ativas 40% maior em comparação ao de 2019. O Estado de São Paulo lidera em quantidade, com 48% do total, mas está no Nordeste o maior número de novos empreendedores.

Reaparecimento de tartaruga considerada extinta

Ilha do arquipélago de Galápagos, no Equador, em 2013 (Foto: REUTERS/Jorge Silva)

Ilha do arquipélago de Galápagos, no Equador, em 2013 (Foto: REUTERS/Jorge Silva)

O Equador confirmou que uma tartaruga gigante encontrada em 2019 nas Ilhas Galápagos é de uma espécie considerada extinta há um século. O Parque Nacional de Galápagos está preparando uma expedição para procurar mais tartarugas gigantes na tentativa de salvar a espécie.

A tartaruga foi encontrada dois anos atrás na Ilha Fernandina, uma das mais imaculadas do arquipélago, durante uma expedição conjunta entre o Parque Nacional de Galápagos e a Conservação de Galápagos.

REVISTA GLOBO RURAL

Fonte : GLOBO RURAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *