NOTÍCIA – Programa vai trazer redução de custos e eficiência, afirmam produtores de cana

RenovaBio

Durante abertura da Safra de Cana, Açúcar e Etanol 2018/2019, em Ribeirão Preto (SP), produtores rurais traçaram cenário positivo para o setor e para o Brasil

Redução de custos, aumento da eficiência e diminuição de preços para os consumidores serão as consequências positivas do RenovaBio, afirmam representantes de entidades de biocombustíveis e por produtores rurais. Junto ao presidente da República, Michel Temer, eles participaram da abertura da Safra de Cana, Açúcar e Etanol 2018/2019, em Ribeirão Preto (SP).

Para atender à demanda do País por energia até 2030, uma política como a RenovaBio, que incentiva a redução de emissão de gases de efeito estufa e ajuda a organizar o setor produtivo, é essencial. “Isso dá segurança jurídica para que as empresas possam investir no aumento de produção”, explicou o presidente do Fórum Nacional Sucroenergético, André Rocha.

Rocha e a presidente da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), Elizabeth Farina, acreditam também que, com o RenovaBio, haverá crescimento na geração de emprego e renda no País. “Certamente representa uma visão de longo prazo, um conjunto de regras que tem a capacidade de dar previsibilidade para o setor”, disse Elizabeth, em entrevista ao Planalto.

Na visão do presidente da Datagro, Plínio Nastari, o RenovaBio é um plano inovador, construído pelo Governo do Brasil, para induzir investimentos privados na área de biocombustíveis. Ele ainda incentiva a redução da emissão de CO2. “É um plano de médio e longo prazo e que vai trazer, pela primeira vez em 43 anos, organização para o setor”, afirmou.

Fonte: Planalto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *