NO VAREJO – Etanol: biocombustível segue mais competitivo apenas em Mato Grosso

Na semana passada, o estado do Rio Grande do Sul teve o etanol mais caro do país: R$ 5,822 por litro

O preço médio do etanol ficou mais caro na última semana no varejo brasileiro, assim como a gasolina. Com isso, o etanol segue mais vantajoso em apenas em um estado, em Mato Grosso, enquanto a gasolina está mais competitiva em todos os outros estados do país. Segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço do etanol ao consumidor ficou em R$ 4,322 o litro na semana de 11 a 17 de julho, ante R$ 4,274 o litro na semana anterior (4 a 10 de julho), alta de 1,1%. Na semana passada, o estado do Rio Grande do Sul teve o etanol mais caro do país: R$ 5,822 por litro.

O preço máximo entre os estados brasileiros para o etanol foi verificado também no Rio Grande do Sul: R$ 6,890 o litro. Já em São Paulo, principal estado produtor de etanol do Brasil, o preço médio do biocombustível ficou em R$ 4,097 o litro, ante R$ 4,070 (+0,66%) o litro na última semana, preço mais barato do país.

Já o preço médio da gasolina comum no país ficou em R$ 5,831 o litro, ante R$ 5,743 o litro (alta de 1,53%).

O preço do etanol equivaleu a 74,73% do preço da gasolina em São Paulo na última semana. No Mato Grosso, a relação de paridade está em 69,40%.

Em Goiás, a paridade ficou em 72,70% e, em Minas Gerais, em 72,04%. Considera-se o etanol mais vantajoso que a gasolina quando a relação de paridade entre os preços está abaixo de 70%.

Por Agência Safras

Fonte : Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *