No RS, chuva atrasa preparação da área destinada ao plantio do arroz

Produtores esperam recuperar o tempo perdido com a volta do sol.
Período ideal para o plantio vai de 20 de setembro a 5 de novembro.

Do Globo Rural

Nas lavouras, as máquinas trabalham sem parar. Os produtores aproveitam os dias de sol para agilizar a preparação do solo.

De acordo com o Irga, o Instituto Riograndense do Arroz, as chuvas do primeiro semestre impediram o trabalho nas áreas de plantio.

Na fronteira oeste, o trabalho de preparação das lavouras está atrasado se comparado ao mesmo período do ano passado. Em Uruguaiana, segundo o Irga, apenas 52% da área está pronta para o plantio, enquanto o ano passado, neste mesmo período, quase 90% dos 102 mil hectares, já estavam prontos para a semeadura.

O período considerado ideal para o plantio do grão é de 20 de setembro a 5 de novembro. Na safra passada, a fronteira oeste do estado plantou 328 mil hectares do grão, o que representa 20% da produção nacional.

O produtor Carlos Simonetti pretende plantar 2 mil hectares de arroz. Cerca de 40% da área ainda precisa ser preparada. “Choveu muito e isso atrasou o trabalho em relação ao ano passado”, diz.

Se por um lado a chuva trouxe transtornos, por outro serviu para armazenar água nos reservatórios. As barragens estão cheias e não devem ser motivo de preocupação para os produtores, diferente do ano passado. Em Uruguaiana, elas são responsáveis por irrigar 70% das lavouras de arroz.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *