Ministro da Agricultura usa funcionários de estatal

Fonte: POLIBIO BRAGA 

Depois de inchar a CONAB (COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO), o ministro da Agricultura, Wagner Rossi, transferiu para seu gabinete funcionários contratados sem concurso e até hoje remunerados pela principal estatal do setor agrícola. Antes de assumir a pasta, Rossi dirigiu a companhia de junho de 2007 a março de 2010. Em sua gestão, ele mais do que quadruplicou o número de cargos de confiança na empresa. Ao sair de lá, levou pelo menos sete funcionários para seu gabinete.

. Esses servidores continuam recebendo salários da CONAB e deixaram acéfalos seus postos na empresa. Entre eles há funcionários que ocupavam cargos de chefia na CONAB, como as gerentes de eventos e de acompanhamento de programas. A assessoria de Rossi justificou os empréstimos dizendo que o ministro "trouxe profissionais graduados que trabalharam com ele na CONAB para auxiliá-lo", mas não fez comentários sobre o impacto que a transferência teve na atuação da CONAB.

. Segundo matéria do jornal Folha, responsável pela organização do mercado agrícola e do abastecimento de comida no país, a CONAB virou nos últimos anos um cabide de emprego para afilhados políticos e parentes de caciques do PMDB, o partido de Rossi.

http://polibiobraga.blogspot.com/2011/08/ministro-da-agricultura-usa.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *