Ministério da Agricultura rejeita prolongamento de plantio da safrinha de milho no Paraná

Solicitação havia sido encaminhada pela Ocepar devido à dificuldade dos produtores do Estado

Leonardo Bortolotto

Foto: Leonardo Bortolotto / Divulgação

Ministério não acatou pedido de prolongamento do período

A Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar) informou nesta quinta, dia 1º, que o Ministério da Agricultura não acatou o pedido de prolongamento do período de plantio do milhosegunda safra feito pelas cooperativas paranaenses. A solicitação havia sido encaminhada pela Ocepar devido à dificuldade que os produtores do Estado, principalmente da região oeste, estavam tendo para realizar a semeadura dentro do prazo previsto no zoneamento agrícola por conta do baixo volume de chuvas.
O prazo do zoneamento venceu em 28 de fevereiro. A Ocepar havia pedido o prolongamento desse período por mais 10 dias para assegurar a cobertura do seguro rural a esses agricultores, caso ocorresse alguma frustração de safra, informou a organização em comunicado.
De acordo com a nota, após analisar a proposta, o ministério decidiu não atender ao pedido por considerar que a extensão do período de plantio deve implicar em aumento do risco de perdas, de acordo com os critérios de risco climático do zoneamento adotado pelo ministério, podendo causar impacto negativo no Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro) e no Seguro Rural.

Fonte: Ruralbr | Agência Estado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.