Milho: pressão de coronavírus sobre mercado faz Chicago recuar

O milho fechou esta quinta-feira, 30, com preços mais baixos na Bolsa de Chicago. De acordo com a Safras & Mercado, ainda que o resultado das vendas líquidas semanais norte-americanas tenha sido bem positivo, o cereal manteve o tom negativo em meio ao avanço do coronavírus na China, que vem frustrando uma expectativa de retomada das compras do cereal norte-americano pelo país asiático. “A forte queda da soja e a retração do trigo também pesaram negativamente”, informa.

Os contratos de milho com entrega em março fecharam a US$ 3,79 por bushel, baixa de 4,75 centavos ou 1,23% em relação ao fechamento. A posição maio de 2019 fechou a US$ 3,84 por bushel, recuo de 4,75 centavos de dólar ou 1,21%.

Por Agência Safras

Fonte : Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *