Milho: preço começa a subir com estoque baixo e preocupação com clima

O mercado físico do milho em todo país já começa a mostrar revisões positivas, pressionados pelos estoques encurtados, e mais recentemente, por preocupações sobre clima em algumas regiões produtoras. A consultoria Agrifatto informa que em Mato Grosso do Sul, o preço balcão continua balizado ao redor de R$ 45 por saca com retirada imediata, embora sejam raras as vendas realizadas. O cenário parecido é observado em Goiás, com liquidez enxugada e preços em torno de R$ 48, contra R$ 45,50 na semana anterior.

Com o mercado olhando para a baixa oferta no mercado à vista neste momento, os preços futuros também avançam e valorizam toda a curva futura. No pregão desta quinta, 5, os contratos mais longos (até então com altas mais comedidas), conseguiram avançar com mais força. O vencimento de julho de 2020 subiu 0,64% para R$ 45,70 e o de setembro de 2020 avançou 0,82% para R$ 44,13 por saca.

Fonte : Canal Rural

Compartilhe!