Milho: clima preocupa e preços no Brasil continuam firmes

O mercado brasileiro de milho manteve preços firmes nesta terça-feira, 17. Segundo a consultoria Safras, apesar da queda do grão na Bolsa de Chicago e do dólar fechando em baixa, as cotações no Brasil se sustentaram pela preocupação com o clima seco. “A questão climática começa a atingir de forma mais forte e geral e o mercado interno começa a ignorar os preços externos e no porto”, observa o analista Paulo Molinari.

No Porto de Paranaguá, a saca segue cotada a R$ 37,50/R$ 39. Em Santos, gira em torno de R$ 37,60/R$ 40. Em Cascavel (PR), a cotação permanece em R$ 33,50/R$ 34,50 por saca. Já na Mogiana paulista, está em R$ 36/R$ 37. Em Campinas, por sua vez, preços a R$ 38/R$ 39 por saca.

Em Erechim (RS), o preço ficou em R$ 39/R$ 40 por saca. Em Uberlândia (MG), a R$ 35,50/R$ 37. Em Rio Verde (GO), a R$ 30/R$ 31, no disponível. Por fim, em Rondonópolis (MT), a R$ 28/R$ 30 para o disponível.

Fonte : Canal Rural