Milho: Chicago tenta reação, após queda de 2% na terça

Os contratos do milho têm preços levemente mais altos na sessão eletrônica da Bolsa de Chicago
(CBOT) desta quarta-feira. O mercado esboça uma reação frente ao tombo de ontem, quando recuou mais de 2%.

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou dados sobre as condições das lavouras americanas de milho. Segundo o USDA, até 1 de setembro, 58% estavam entre boas e excelentes condições, 29% em situação regular e 13% em condições entre ruins e muito ruins. Na semana anterior, os números eram de 57%, 30% e 13%, respectivamente. O mercado esperava índice de 58% das lavouras entre boas e excelentes condições.

A posição dezembro de 2019 tem preço de US$ 3,62 por bushel, ganho de 1,25 centavo de dólar, ou 0,34%.

Agência Safras

Fonte : Canal Rural