MERCADO – Demanda aquecida pode manter preços da carne suína firmes

Scot Consultoria indica que procura deve ser maior no fim do ano

Foto: Silvio Ávila/ Mapa

Com a entrada da segunda quinzena do mês, a demanda pela carne suína ficou mais lenta e isso se refletiu nos preços do produto no atacado de São Paulo. Na última semana, a carcaça apresentou queda de 1,7% e tem sido negociada, em média, em R$ 5,70 o quilo.

Nas granjas paulistas os preços se mantiveram nas mesmas bases. O animal terminado está cotado, em média, em R$ 73 por arroba.

Apesar dos recentes recuos, o mercado de suínos vem apresentando recuperação desde julho. Na média mensal, os preços na granja e no atacado tiveram valorização de 22,5% e 24%, respectivamente, no período.

A expectativa é que os preços se mantenham firmes nos próximos meses, reflexo do típico aquecimento sazonal da demanda em período de fim de ano.

Por Canal Rural

Fonte : Canal Rural