Mendes evita faxina e foca na Agricultura

Fonte:  Correio do Povo

Reunião hoje com a presidente Dilma definirá prioridades para a Pasta

 Parlamentar disse estar disposto a 'aprender com a vida'<br /><b>Crédito: </b>  Antônio Cruz / abr / cp
Parlamentar disse estar disposto a ‘aprender com a vida’
Crédito: Antônio Cruz / abr / cp

Confirmado no cargo de ministro da Agricultura, o gaúcho Mendes Ribeiro Filho, que substitui o combalido Wagner Rossi, afirmou ontem que poderá alterar a equipe de trabalho para tentar evitar que ocorram novos casos de corrupção na Pasta. "Vou trocar todos aqueles que eu achar que devo trocar. Mas primeiro vou conversar com a presidente Dilma", comentou Mendes, que se reúne hoje com a presidente para discutir o foco de atuação à frente da Agricultura. Antes disso, ele preferiu não comentar as políticas prioritárias da Pasta, na qual será empossado na próxima segunda-feira.
Adiantou apenas que irá fazer as modificações no ministério de forma discreta, priorizando as questões políticas e administrativas. "O Jorge Hage (ministro-chefe da Controladoria-Geral da União) está fazendo aquilo que tem que fazer. Eu vou cuidar da Agricultura, que é muita coisa. Vou me relacionar com os setores, ouvir a todos e buscar desafios", projetou Mendes, ressaltando que não irá pautar as suas ações pelo acompanhamento de investigações ou pelo discurso da "faxina". Ele defendeu a transparência irrestrita da gestão pública como maneira eficaz de evitar futuras crises éticas na Agricultura. "O homem, quanto mais fiscalizado, menos possibilidade tem de errar." Mendes não considera problemático o fato de não ser um homem de forte ligação com o setor agrícola. "É do jogo, temos que aprender com a vida. A grande diferença é quem quer aprender e quem não quer aprender."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *