MAPA FARÁ CIRCUITO POR IMPORTADORES

Após o embargo japonês à carne bovina brasileira, o Ministério da Agricultura (Mapa) decidiu, ontem, intensificar o contato com os principais importadores para esclarecer o caso de ocorrência ‘não clássica’ de vaca louca no Paraná. Em nota, a Pasta informou que planeja a organização de missões técnicas para visitar os 20 principais parceiros comerciais do Brasil. ‘O governo como um todo está mobilizado para dar amplo esclarecimento sobre o ocorrido, para que não pairem dúvidas com relação à segurança do nosso sistema de defesa sanitária animal’, disse o secretário-executivo José Carlos Vaz. Conforme o secretário de Defesa Agropecuária Ênio Marques, o ministério está preparado para responder aos questionamentos.

Ontem, o adido agrícola japonês no Brasil, Kentaro Morita, esteve reunido com técnicos de Relações Internacionais e de Defesa Agropecuária para obter informações a fim de subsidiar o governo daquele país. Um relatório completo sobre o caso será entregue, hoje, pelo adido agrícola brasileiro, Gutemberg Barone, ao diretor do escritório de Segurança de Importações de Alimentos japonês, Hideshi Michino.

Fonte: Correio do Povo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.